terça-feira, 26 de dezembro de 2017

CIRCUNSTÂNCIAS


CIRCUNSTÂNCIAS



Hoje, ninguém vive em circunstâncias ideais. 

Geralmente, o segredo de ter controle sobre sua vida é saber aceitá-las e trabalhar de acordo com os limites que elas impõem. Se você conseguir fazer isso apesar de ser muito difícil, muito bom. 

Se com o tempo vierem a melhorar, então estará ótimo.  Mas uma solução definitiva ainda está por vir.

Haverá um tempo em que todas as pessoas se sentirão seguras por saber que tem controle sobre sua própria vida. Elas serão capazes de viver todo seu potencial, livres delas, ou seja, situações frustrantes, pressões do dia ou sentimentos negativos.

Você fará parte desse futuro? Como você pode ter certeza de que não é apenas um sonho? Existe um ditado: “ A vida não é ter boas cartas na mão, mas jogar bem com as cartas que se tem”




sexta-feira, 22 de dezembro de 2017

COMO VOCÊ ENXERGA O SEU TRABALHO?


COMO VOCÊ ENXERGA O SEU TRABALHO?

Algumas pessoas dizem que para sobreviver num mercado de trabalho competitivo, você precisa colocar seu emprego acima de tudo. Por causa dessa atitude, alguns permitem que o emprego consuma tanto de sua vida que acabam negligenciando sua família e sua saúde.

Se o salário é bom, o trabalho é bom. Essa ideia, junto com a tentação do dinheiro fácil, leva algumas pessoas a se envolver em práticas comerciais desonestas e até aceitar um trabalho ilegal.

Outras, levadas pela filosofia de “siga o seu sonho” e faça o que você gosta, só querem empregos que são empolgantes. Se elas acham que o seu trabalho não é sua vocação na vida ou se ele não faz a adrenalina subir elas o consideram entediante, veem seu emprego de maneira negativa e fazem o mínimo possível.

Talvez até cheguem a rejeitar boas oportunidades por achar que determinado serviço está a baixo de sua dignidade.

Uma pessoa trabalhadora interessa-se de verdade por seu serviço, mesmo que pareça muito humilde e não seja o tipo de serviço que você gostaria de fazer, aprenda a fazê-lo bem. Dar o seu melhor produz um senso de realização a até pode aumentar sua satisfação.

Ao mesmo tempo, seja equilibrado, tire um tempo para relaxar e descansar de vez em quando. Esse tempo é ainda mais agradável depois de ter feito um bom trabalho. Além disso, ganhar o nosso próprio sustento contribui para ter uma boa autoestima e conquistar o respeito de outros, incluindo a família.

Essa reflexão, fez-me lembrar de uma história que reproduzo a seguir:



A LIÇÃO DO BAMBU CHINÊS

Depois de plantada a semente deste incrível arbusto, não se vê nada por aproximadamente 5 anos, exceto um lento desabrochar de um diminuto broto a partir do bulbo. Durante 5 anos, todo o crescimento é subterrâneo, invisível a olho nu, mas... uma maciça e fibrosa estrutura de raiz que se estende vertical e horizontalmente pela terra está sendo construída. Então, no final do 5º ano, o bambu chinês cresce até atingir a altura de 25 metros. Um escritor de nome Covey escreveu: "Muitas coisas na vida pessoal e profissional são iguais ao bambu chinês. Você trabalha, investe tempo, esforço, faz tudo o que pode para nutrir seu crescimento, e às vezes não vê nada por semanas, meses ou anos. Mas se tiver paciência para continuar trabalhando, persistindo e nutrindo, o seu 5.º ano chegará, e com ele virão um crescimento e mudanças que você jamais esperava...” O bambu chinês nos ensina que não devemos facilmente desistir de nossos projetos e de nossos sonhos... Em nosso trabalho especialmente, que é um projeto fabuloso que envolve mudanças de comportamento, de pensamento, de cultura e de sensibilização, devemos sempre lembrar do bambu chinês para não desistirmos facilmente diante das dificuldades que surgirão. Procure cultivar sempre dois bons hábitos em sua vida: a Persistência e a Paciência, pois você merece alcançar todos os seus sonhos...!!! "É preciso muita fibra para chegar às alturas e, ao mesmo tempo, muita flexibilidade para se curvar ao chão."



quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

MONGÓLIA


Gêngis Khan, foi um guerreiro destemido do século 12, deu início ao que se tornaria o grande império Mongol. A Mongólia dos dias atuais é apenas uma fração do tamanho original desse antigo império. Cercada pela Rússia e China, é um dos países com menos habitantes por quilometro quadrado do mundo.
A paisagem da Mongólia consiste de rios, córregos, montanhas imponentes, colinas verdejantes e grandes planícies cobertas de grama.  No Sul fica o deserto de Gobi, famoso por seus fosseis de dinossauro bem-preservados. Situada a uma altura média de 1580 metros acima do nível do mar, a Mongólia é chamada por seus habitantes de a “Terra do Céu Azul”. Esse nome se encaixa perfeitamente, pois a Mongólia em mais de 250 dias de sol por ano!
Os mongóis vivem num clima de extremos. No verão, as temperaturas podem atingir os 40 graus, ao passo que no inverno elas podem cair abaixo dos 40.
Quase um terço dos que vivem por lá são nômades. O dia começa cedo, com homens e mulheres ordenhando cabras, vacas, camelas e éguas. A alimentação dos mongóis consiste em derivados de leite e de carne, principalmente a de carneiro.

Os mongóis são um povo hospitaleiro. Suas tendas em formato de círculo, chamadas de gers, são mantidas destrancadas para que qualquer pessoa que passe por ali possa descansar e comer os petiscos deixados para visitantes. Também é comum servir aos convidados chá com leite quente, temperado com um pouquinho de sal.
O budismo tem muita influência na vida dos mongóis até os dias de hoje. Entre a população, há também adeptos do xamanismo, islamismo e cristianismo e muitas pessoas não tem religião.


VIDENTES E ADVINHAÇÕES

Desde os tempos antigos, as pessoas consultavam videntes. Alguns tentavam prever o futuro observando órgãos de animais e de humanos, out...