sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

PRATO INDIGESTO


CANIBALISMO

O Governo das Ilhas Fiji, na Oceania, apresentou um pedido oficial de desculpas por uma refeição feita há mais de 150 anos. O prato principal foi o missionário inglês Thomas Baker, morto pelo povo do vilarejo de Navatusia por ter retirado um pente do cabelo do chefe da comunidade. Até hoje é proibido tocar a cabeça do chefe, mas os fijianos estão arrependidos porque acreditam ter sido amaldiçoados  desde o fatídico  episódio cometido por seus ancestrais. Baker, que converteu muitos nativos ao cristianismo, foi o único europeu devorado nas Ilhas Fiji, que já foram conhecidas pelo hábitos canibais de suas tribos. Em relatos da época, um dos homens que se esbaldaram com o corpo do reverendo teria dito:" Nós o comemos todinho. Só faltaram as botas" Uma delas é parte do acervo do museu da capital, Suva.
..................................................
Acesse a página curiosidades e veja relatos curiosos de várias partes do mundo.

Veja também em meu site, link abaixo,  relatos formatados de viagens que realizei mundo afora.


ANOS DOURADOS DE UMA ÉPOCA VIVIDA

ANOS DOURADOS  DE UMA ÉPOCA VIVIDA Repassando algumas fotos e recortes de jornais, armazenados em uma caixa de papelão no meu...